O Dia da Revolução Constitucionalista é comemorado anualmente em 9 de julho e considerado feriado estadual em São Paulo.
Também conhecido por Dia da Revolução e do Soldado Constitucionalista, esta data é uma homenagem ao movimento contra ditadura de Getúlio Vargas, realizado em 1932 pelos paulistas.
Vargas toma o poder com a Revolução de 1930, apoiado pelos paulistas, e outros estados. No entanto, o tempo passava e o novo dirigente não convocava eleições para a nova Assembleia Constituinte. Sentindo-se traídos, representantes do Exército, estacionados em São Paulo e políticos paulistas, resolveram se rebelar.
A Revolução Constitucionalista, episódio que também foi chamado de “Guerra Paulista”, foi o mais importante movimento ocorrido em São Paulo e o último grande combate armado do Brasil.
IGARAPAVA, LOCAL DE COMBATES
A antiga ponte sobre o Rio Grande, histórica que liga os Estados de Minas e São Paulo e Igarapava foram locais de combate muito importante durante esta guerra. Hoje ainda encontramos marcas de tiro nas ferragens da ponte centenária, e a cidade de Igarapava abrigou combatentes e soldados paulistas, durante a Revolução. Em breve o Município ganhará um museu, que será voltado a esta temática da Revolução Constitucionalista de 1932.