IGARAPAVA QUER PARCERIA NA GESTÃO AMBIENTAL

 

 

 

.

 

 

 


IGARAPAVA QUER PARCERIA NA GESTÃO AMBIENTAL


 

 

 

A equipe técnica do Departamento de Engenharia da Prefeitura de Igarapava – setor de Meio Ambiente – esteve reunida com membros da Usina Hidrelétrica de Igarapava para tratar sobre a continuidade de programas ambientais. Mateus George, responsável pela pasta na administração municipal, explicou que a proposta é dar continuidade ao trabalho ambiental que vinha sendo desenvolvido nos últimos meses.

“Levantamos propostas que visam uma expansão dos projetos para a sociedade de forma que contemple a conscientização sustentável de recursos com viés educacional” observou. Por final, Mateus agradeceu a Usina Hidrelétrica de Igarapava por estar sempre apoiando o Município de Igarapava com diversos projetos e essa relação harmônica ser de grande valia para a população.

 

 

 

 

 

Foto: Equipe técnica da prefeitura e da Usina de Igarapava

 

PREFEITURA DE IGARAPAVA OTIMIZA SERVIÇOS EM ÁREAS PÚBLICAS

 

 

 

.

 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA 


 

A equipe de engenharia da Prefeitura de Igarapava está trabalhando pesado em áreas públicas, visando proporcionar o melhor para a comunidade.

Além de melhorar o visual dos próprios municipais, a Administração tem dado total atenção aos locais onde as pessoas se reúnem (praças públicas).

Nesse sentido, além de promover a limpeza na área da Casa da Cultura, as praças Rui Barbosa e Assad Salim tem recebido esquipes da prefeitura.

 

 

 

 

 

 

INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO ELEITORAL CRH

 

 

 

.


PREFEITURA MUNICIPAL DE IGARAPAVA


Termina na próxima sexta-feira, dia 9 de fevereiro, o prazo das inscrições para o processo de seleção das entidades do segmento da Sociedade Civil do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CRH), para o período 2018-2020.

No total, farão parte do Conselho 11 titulares e seus respectivos suplentes. A inscrição deve ser protocolada presencialmente no Protocolo da Secretaria Estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, no horário das 9h30 às 12h ou das 14h às 16h30, de segunda a sexta-feira. É necessário levar a ficha de inscrição preenchida e os documentos, conforme o item 3 do Anexo I (Edital) da Deliberação CRH nº 208.

A entidade precisa ser enquadrada em uma das sete categorias que o edital indica e com representatividade em âmbito estadual. Após a inscrição, o Comitê Coordenador do Plano Estadual de Recursos Hídricos (CORHI) vai analisar a documentação e anunciar a primeira lista das entidades habilitadas e inabilitadas até o dia 2 de março.

O período para recursos será de 5 de março a 15 de março, enquanto a lista final com as entidades habilitadas e inabilitadas será divulgada entre os dias 26 e 29 de março. Em abril, as entidades habilitadas vão participar da Assembleia Geral, onde terá as eleições setoriais para definir quem serão titulares e suplentes no CRH.

Quem for eleita irá enviar o nome do representante, que tomará posse em Reunião do CRH, programada para depois de 30 de abril de 2018. CRH Composto por 33 conselheiros, sendo 11 representantes dos segmentos Sociedade Civil, Municípios e Estado, o CRH tem como principal objetivo estabelecer prioridades de ações e investimentos, promover a recuperação ambiental das bacias e o uso equilibrado dos recursos hídricos.

Pelo regimento, o Secretário Estadual de Saneamento de Recursos Hídricos preside o CRH, enquanto seu vice é o Secretário Estadual de Meio Ambiente. Além dos conselheiros, o CRH convida com direito a voz: – Presidentes dos Comitês de Bacias Hidrográficas ou seus representantes; – os dirigentes ou representantes do DAEE e da CETESB;

– os dirigentes ou representantes de órgãos e entidades estaduais, quando convocados pelos titulares ou representantes das Secretarias designadas no inciso I, do artigo 5º; – representantes de outras entidades ou autoridades e especialistas em assuntos afetos à gestão dos recursos hídricos. Quando o conselheiro titular estiver presente, o suplente também tem direito a voz.

 

Link com mais informações e ficha de inscrição:

http://www.sigrh.sp.gov.br/crh/processoeleitoralsociedadecivil20182020

 

 

Link da Deliberação CRH nº 208:

http://www.sigrh.sp.gov.br/public/uploads/deliberation//CRH/12460/deliberacao_crh_208.pdf

 

PREFEITURA PROMOVE MELHORIA NAS ESCOLAS

 

 

.

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA 


 

Antes do início do ano letivo, equipes realizam uma “faxina” nos prédios públicos

Por determinação do prefeito José Ricardo Rodrigues Mattar as equipew de serviços e manutenção da Prefeitura de Igarapava priorizaram nos últimos dias uma chamada “faxina” nos prédios das escolas municipais. O objetivo é deixar as unidades de acordo com as necessidades para que os estudantes tenham um local adequado.

Sob a responsabilidade do Departamento de Engenharia, as equipes da Prefeitura realizaram nas 16 unidades do Município limpeza geral (poda, roçada, adequações, parte elétrica e hidráulica, pintura dentre outros serviços).

O chefe do setor, José Aguinaldo, explicou que todas as ações necessárias foram adotadas por conta de solicitações feitas por professores e diretoras das unidades. “Estamos atentos a tudo e providenciamos para que os alunos sejam bem orientados e adequados para um perfeito aprendizados”, comentou.

 

 

 

 

PREFEITURA OTIMIZA PODA E PLANTIO DE ÁRVORES

 

 

 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA 


 

 

Prefeitura otimiza podas e plantio de árvores O Departamento de Engenharia da Prefeitura de Igarapava tem dado uma atenção especial para o projeto de podas e plantio em áreas públicas. Nesse sentido, o setor definiu as áreas públicas no Município que receberão prioridades. A definição foi realizada dentro de um critério de ações, explicou Fabrício Cunha. O prefeito José Ricardo Rodrigues Mattar explicou que se trata de uma ação planejada e otimiza o serviço operacional no Município. Foto: Setores que serão beneficiados com o projeto de podas e plantio.

 

Foto: Setores que serão beneficiados com o projeto de podas e plantio

 

 

 

 

DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE DEFINE AÇÃO AMBIENTAL

 

 

 


 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA


 

Equipes do Departamento de Engenharia da Prefeitura de Igarapava estão trabalhando na limpeza pública (recolhendo entulhos e restos de construção) de ruas e avenidas da cidade. Por isso é importante que o cidadão de se conscientizar e dar ao lixo ou aos entulhos a destinação correta. A Prefeitura de Igarapava está retirando entulhos na cidade. Mas, este serviço vai até 17 de fevereiro e depois o cidadão poderá ser penalizado. É proibido a utilização de via ou passeios públicos para deposito de concreto, areia e similares. Fique ligado. LEI Com a lei Nº 016 de 1999 a utilização de via ou passeios públicos, para o preparo deposito de concreto, areia e similares, agora é crime ambiental. Por isso, as pessoas deve dar o destino correto. O não cumprimento da lei acarretará em multa correspondente a 20 UFESPs, ou seja, R$ 514,00, e na reincidência o valor será de 50 UFESPs o equivalente a R$ 1.285,00, além da taxa de retirada de entulho e lixo do local. Foto: Material deixado em um dos pontos da cidade – prefeitura está limpando e notificando pessoas.

 

 



 

 

Foto: Material deixado em um dos pontos da cidade – prefeitura está limpando e notificando pessoas

 

 

 

 

PREFEITURA DE IGARAPAVA E SENAR PROMOVEM CURSO GRATUITO DE JARDINAGEM

 


 

 

 

 

 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE


 

Equipes do Departamento de Meio Ambiente da Prefeitura de Igarapava participaram de importante curso de preservação ambiental nesta semana. Ele foi oferecido pela FAESP-Senar e atendeu vários interessados que se inscreveram no Sindicato Rural de Igarapava. 

Segundo os técnicos, o curso de jardinagem teve como enfoque  as podas e supressão de espécies arbóreas, capacitando servidores municipais, bolsistas da frente do trabalho e a população.

Trata-se de um momento importante essa parceria Sindicato Rural, Faesp-Senar e Prefeitura, disse o prefeito José Ricardo Rodrigues Mattar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PREFEITURA PENALIZARÁ QUEM NÃO DESTINAR ENTULHOS CORRETAMENTE

 

 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA


 

O Departamento de Engenharia da Prefeitura de Igarapava está realizando ações para a remoção de entulhos, carros abandonados e outros tipos de materiais de construção, areia e concreto em ruas, calçadas e passeios. A ação acontecerá até 17 de fevereiro quando a responsabilidade passa a ser da pessoa que produzir os resíduos.
Fabricio da Cunha Carvalho, diretor de engenharia, explicou que esse trabalho tem como finalidade acompanhar a legislação ambiental. As equipes da Prefeitura estão com caminhões para a recolha desse material.
Os responsáveis alertam que não devem ser deixados restos de construções. Esses resíduos devem ser levados para locais próprios.
Com a lei Nº 016 de 1999 a utilização de via ou passeios públicos, para o preparo deposito de concreto, areia e similares é crime ambiental.
Tal recolhimento será realizado pela Prefeitura somente até o dia 17 de fevereiro e a partir desta data o entulho e matérias de construção deverão usar somente caçambas ou despejar dentro do próprio terreno.
O não cumprimento da presente lei acarretará em multa correspondente a 20 UFESPs, ou seja R$514,00, e na reincidência o valor será de 50 UFESPs o equivalente a R$1.285,00, além da taxa de retirada de entulho e lixo do local.
LEI N° 016 -:03.05.1999 – TORNA OBRIGATÓRIO O USO DE CAÇAMBAS E CONTAINERS, COMO ESPECIFICA E DÁ OUTRAS PROVIDENCIAS.
Art. 1º – Passa a ser obrigatório o uso de caçambas ou container, em construções, reformas e demolições em todos os níveis, bem como, para a retirada de entulho domiciliar, no perímetro urbano deste município. Art. 2° – Fica proibido a utilização da via ou o passeio público, para o preparo ou de reboco, concreta, areia e similares, ressalvadas as disposições contidas no Departamento de obras deste município.
LEI N° 579- DE: 13.11.2013 DISPÕE DE ALTERAÇÃO DE ARTIGO 3° DA LEI N° 16 DE MAIO DE 1999, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
Art. 3° – O não cumprimento da presente Lei, acarretará multa correspondente a 20 (vinte) UFESPs, na reincidência ou valor será de 50 (cinquenta) UFESPs, mais taxa de retirada do entulho ou lixo do local.

 

 

 

 

 


José Antônio de Souza
Deptº  Comunicação 

emails: zediario@hotmail.com
whatsapp 16 99393 7609

 

PREFEITURA FAZ MELHORIAS EM PRAÇAS PÚBLICAS

 

 

 

 

 

 

 

 


DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ENGENHARIA


 

 

 

PREFEITURA FAZ MELHORIAS EM PRAÇAS PÚBLICAS

 

 

 

 

Equipes da Prefeitura de Igarapava estão com atividades concentradas na praça do bairro José Pimentel. Por determinação do prefeito José Ricardo Rodrigues Mattar o setor de Engenharia deslocou servidores para o bairro no sentido de construir a praça pública, garantindo aos moradores da região maior comodidade e qualidade de vida.

O projeto da Administração Municipal visa oferecer maior possibilidade de entretenimento, atividades esportivas, além de relacionamento entre os próprios moradores. Está projetado para o local uma quadra de peteca e basquete, arborização, além de academia ao ar livre.

Investimento no setor de arborização e ambiental no município de Igarapava tem sido acompanhado de perto pelo engenheiro, Fabrício Carvalho.

 

 

ACADEMIA AO AR LIVRE É ENTREGUE

                            ACADEMIA AO AR LIVRE É ENTREGUE

 

Moradores do conjunto populacional Evaristo Rodrigues Nunes terão aulas e acompanhando da saúde do Município, A Administração de Igarapava, através do prefeito José Ricardo Rodrigues Mattar, esteve nesta segunda-feira (8 de janeiro) para acompanhar os trabalhos de instalação da Academia ao Ar Livre instalada no conjunto habitacional Evaristo Rodrigues Neves.

Ao lado do vice-prefeito, Wagner Marques, o Guim, José Ricardo agradeceu o apoio da iniciativa privada e participou de alguns exercícios pelos instrumentos instalados naquele bairro. “Foi importante esse momento, pois a população passa a ter um local de lazer e mais qualidade de vida, pois a equipe da saúde estará aqui para proporcionar este diferencial”.

A Administração de Igarapava já instalou esse tipo de academia em outros locais. E é possível verificar que a utilização tem sido altíssima.

Funcionários da frente de trabalho, diretores e o próprio secretário da Saúde, Murilo Silveira Soares também esteve presente neste acontecimento.